‘Dezembro vermelho’ é marcado por ações de prevenção ao HIV/Aids em diversas cidades de Santa Catarina

Com o objetivo de atender à meta 90-90-90, estabelecida pela Unaids, para 2020, Florianópolis lançou a campanha “Pare o HIV Floripa 2020”, inaugurando as ações para o Dezembro Vermelho (Campanha Nacional de Prevenção ao HIV/Aids e outras infecções sexualmente transmissíveis). A intenção é que, até 2020, 90% das pessoas vivendo com HIV sejam diagnosticadas, que 90% das pessoas diagnosticadas estejam em tratamento antirretroviral, e que 90% das pessoas em tratamento que apresentam supressão viral.

Florianópolis é a segunda capital brasileira com maior número de casos de HIV e a terceira capital com a maior taxa mortalidade (12,6 a cada 100.000 hab), mais que o dobro da taxa nacional (6,0). São mais de 5.500 pessoas que sabem que estão vivendo com HIV na cidade, porém muitas outras ainda não sabem de seu diagnóstico, de acordo com a Prefeitura.

No Dia Mundial de Combate ao HIV/AIDS, celebrado em 1 de dezembro, diversas atividades da campanha foram realizadas em frente ao Terminal de Integração Central (Ticen), com a entrega de materiais educativos, distribuição de preservativos por meio do tótem itinerante e orientação da população sobre os locais da rede que realizam testes rápidos, fornecem preservativos, atendem para Profilaxia Pós-Exposição ao HIV (PEP) e tratamento para HIV. A data também marcou o lançamento do aplicativo “Aqui tem camisinha”. O objetivo deste app é orientar a população sobre os meios de prevenção e facilitar o acesso à rede de saúde, através de um sistema de georeferenciamento dos serviços de saúde municipal que indicará ao paciente quais os locais disponíveis para retirada de preservativos, Profilaxia Pré-exposição (PEP) e demais serviços oferecidos na área.

Confira as imagens das ações realizadas na Capital e em diversas outras cidades catarinenses:

 

Florianópolis

 

 

 

 

 

Angelina

 

 

 

 

 

Araranguá

 

 

 

 

 

Biguaçu

 

 

 

 

 

Blumenau

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Canoinhas

 

 

 

 

 

Guaramirim

 

 

 

 

 

Tubarão

 

 

 

 

 

Zortéa

 

 

 

 

 

São José

 

 

 

 

 

Tangará

 


Topo